quarta-feira, 21 de abril de 2010

Duas Hunters e uma Skinner by Serapião

Caros Amigos,

Como disse nos episódios anteriores... Agora é tempo de materializar e priorizar as peças atrasadas. Torcendo pra conseguir fazer sempre peças elegantes, singulares e bem feitas... Esse é o propósito do trabalho.

As peças a seguir são uma mistura de coisas antigas e novidades...

Duas Hunters e uma Skinner.


A primeira delas é uma skinner feita de lima com lâmina que lembra a nesmuck. Embora particularmente eu prefira skinners com ponta mais aguda. Essa configuração é consgrada pelo uso e muitos usuários a preferem em detrimento das demais. Este chifre de cervo axis estava guardado desde o ano passado esperando a peça e a habilidade pra ser usado. Não é muito texturizado mas bastante maciço. O resultado, achei, foi bem agradável.
A faca tem 4" de comprimento de lâmina, c/ 6 mm de espessura e um distal acentuado. A têmpera seletiva produz uma linha viva quando revelada com percloreto. O cabo é um pouco maior que a lâmina pra possiblitar que gente como eu (com mãos de ogro) usem bem essa pequena faca, além de ter um file work no dorso por 1" pra ajudar no apoio dos dedos. A bainha é de couro de bode estampada com uma ferramenta de padrão "basket" que o amigo reginald me enviou e foto e pude fazer a minha.

A 2a faca é uma hunter de 52100 na qual utilizei um pedaço de chifre "premium" que me foi presenteada pelo Mestre Ricardo Vilar quando estava em Sorocaba. A faca tem algumas peculiaridades como o dorso e a parte abaixo do ricaço arredondados pra torar o apoio dos dedos mais confortável. A peculiaridade é que tanto o pomo quanto o ferrule são escavados pra casar com as ranhuras do chifre. Uma baita trabalheira pra, além de fazer as ranhuras casarem, dar o acabamento depois da peça fixada e colada... Mas... se eu gostasse de coisas fáceis não seria cuteleiro!!!! Essa hunter tem 5" de lâmina, têmpera seletiva e 5 mm de espessura.

Esta última faca é, tbm, uma hunter. Deveria ter sido levada pro Salão de Cutelaria de SP no ano passado. Mas não foi possível. Não consegui terminá-la a tempo. Foi feita pensando em animais maiores assim como a adição do pomo visa dar suporte a eventuais batidas no cabo da faca. Principalmente quando é preciso "desnucar" a presa... O que acontece frequentemente. Também estreei nessa faca uma Rádica de Ipê (não conhecia esta variedade). Ela parece bastante com a rádica de imbuia na beleza mas é bem mais resistente que esta última o que a torna interessante pra cabos de Facas. Esta madeira me foi fornecida pelo Marco Borchardt.
A faca tem 16 cm de lâmina, 4 mm de espessura no ricaço, cabo de rádica de ipê com papel vulcanizado, Pomo e guarda de inox. A bainha, como já advinharam, é de couro de bode...

Obrigado a todos por virem aki. Aguardem os próximos episódios.
Um bom feriado a todos.!

4 comentários:

  1. Fala Serapião! os trabalhos estão lindões, parabéns! Adorei a Hunter, uma verdadeira Serapiana!

    Forte abraço do amigo Ricardo Saldanha - RJ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ricardo. É bom te ver por aqui. Mas dê uma olhada nos meus trabalhos mais novos. Essas facas tem alguns anos. https://plus.google.com/u/0/photos/101055163072516022898/albums/5716556869643956385

      Excluir
  2. Ficaram Show!
    Quando vier aqui no Rio, venha me visitar.

    forte abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será um prazer, meu caro. Forte Abraço.

      Excluir