sábado, 22 de fevereiro de 2014

Falando um pouco sobre DESBASTE HOLLOW

Caros Amigos,

Já a algum tempo tenho feito facas em aço carbono e inox pelo processo de desbaste e, particularmente, pelo método conhecido como desbaste "hollow". Como tenho recebido muitos questionamentos sobre o tema, resolvi escrever um pouco sobre tal. Obviamente, não sou especialista no tema e, muito menos, pretendo esgotar o assunto. Simplesmente quero compartilhar alguns conhecimentos, mostrando um "passo-a-passo" com peças que fiz especialmente para ilustrar este post.

MAS, afinal, o que é "DESBASTE HOLLOW"????

Exemplo de uma peça em estilo "militar" a qual fiz através de desbaste hollow usando rodas de contato de diâmetros diferentes.
 
Bem, basicamente, existem dois tipos de desbaste que podem ser usados em facas custom. O Desbaste FULL FLAT (vide figura abaixo):

Exemplos de desbastes Full Flat - UMA linha única de desbaste do dorso até o gume


 e o DESBASTE HOLLOW. As diferenças entre eles são significativas e abordarei, neste momento, apenas o "hollow". 


Observe a curvatura nesta "roda de contato". É através do contato com esta roda, de diâmetro específico, sobre a qual "corre" uma cinta de abrasivo que se formam  as linhas de desbaste características deste processo.

Nova lixadeira da DAF, equipada com um "braço", mais roda de contato de 12" de diâmetro x 50 mm de largura.

O desbaste hollow é obtido, pressionando-se uma peça com face paralelas sobre uma roda de contato de diâmetro específico. Este processo permite uma série de configurações, variando-se tanto a espessura da faca usada, quanto o diâmetro da roda de contato. Em geral, os diâmetros mais usados são 8", 10" e 12". Existem rodas de contato com a superfície LISA ou ESTRIADA. Cada qual com vantagens e desvantagens. Pessoalmente, prefiro as de superfície lisa. Contudo, vale ressaltar que a "dureza" da borracha deve ser bem firme para que não deforme mediante a tração ou pressão da superfície do aço sobre ela. Recomendo as com dureza entre 80 e 90 Shore. Por sinal, a DAF Abrasivos tem feito ótimas rodas de contato.

Para ajudar a entender um pouco do processo, elaborei um "passo-a-passo" mostrando as principais etapas de confecção de uma hunter/edc com desbaste "full-hollow". De modo diferente, do hollow tradicional, o FULL HOLLOW, não deixa linhas de desbaste com trasição entre os planos paralelos da lâmina:
Observe as linhas de desbaste visíveis sobre as faces paralelas da lâmina. Este é um desbaste hollow "tradiconal" feito com um roda de 8".
O "passo-a-passo":
1) começa com o desenho e recorte em papel vulcanizado. O desenho é "transposto" sobre o aço:

"modelo" em papel vulcanizado para fazer o contorno sobre uma peça de aço 5160 com 1/4" de espessura.
2) Utilizando quaisquer meios à disposição, efetuar recortes e usinagem para deixar a peça no contorno final:







3) Após chegar no formato desejado, é necessário fazer a usinagem das faces paralelas da faca até, p. exemplo, o grão 240:
A usinagem, neste momento, irá facilitar o acabamento após o desbaste do gume propriamente dito.
4) Utilizar "tinta de traçar" para ricar as linhas que nortearão, tanto os furos quanto as linhas de desbaste. Neste caso, como o desbaste será full hollow, não serão traçadas linhas no gume:

Observe as linhas traçadas em paralelo aos lados. Elas ajudam a localizar "pontos de centro" entre as curvas onde devem ser efetuados os furos para pinagem
Uma ferramenta para traças as linhas de desbaste é o "GRAMINHO" o qual é bastante fácil de fazer.
5) Tomando como base as linhas e pontos, são efetuados os furos de pinagem. Neste caso, furos com 1/4":




6) Para iniciar o desbaste eu costumo "marcar" os pontos, usando um guia de lima. Há quem consiga, com bastante prática e destreza, fazer os dois lados simétricos dispensando o uso deste artifício. Ainda não tenho tal prática e acho que assim funciona bem para mim:

Fixação no guia de lima, tomando como base as linhas previamente traçadas sobre a faca.

Desbaste simétrico feito com lima

De modo a deixar dois "degrais" iniciais, bem como uma linha centralizada entre ambos.

7) Começar o desbaste propriamente dito. Há muitas formas de fazê-lo, inclusive recorrendo-se a ferramentas comumente chamadas de JIG que podem ajudar bastante. Não os utilizo. Faço os desbastes à mão livre pois assim funciona melhor pra mim:

Este é um JIG feito para ajudar no desbaste. A foto foi tomada emprestada do amigo e Cuteleiro Tom de Porto Alegre e foi construído pelo especialista Marcelo Pinto.
O que se pretende neste processo de usinagem é, pressionando o aço contra a roda de contato em movimento, obter uma linha de desbaste uniforme que irá subir progressivamente em direção ao dorso.

Lembrando que o desbaste efetuado de um lado terá que ser reproduzido do outro.

Progressivamente a linha de desbaste sobe até o dorso dando o formato final no desbaste full hollow.

Esta foto ilustra como a curvatura da roda induz à formação do gume na faca.

8) Após finalizar a usinagem inicial é dada continuidade no processo já tendo em vista o acabamento/polimento. Nesta peça usei lixa nos grãos 36, 50 e 100.  Convêm lembrar que  cada etapa de desbaste com a lixa subsequente, RETIRA material, portanto não se pode descuidar de observar as medidas do gume sob risco deste ficar fino demais e comprometer a estrutura da faca após a têmpera. Inclusive, é muito comum em canivetes, efetuar o desbaste em aço temperado pra não correr o risco de comprometer a estrutura da peça com um gume muito fino ANTES de têmpera.

Peças que confeccionei pra ilustrar este pequeno "passo-a-passo". Ambas em aço 5160 c/ 1/4 de espessura
9) Deste ponto em diante, será efetuado um desbaste com lixa 240, TÊMPERA, REVENIMENTO e serão usadas lixas específicas para acabamento até a obtenção do grau de acabamento desejado.

Facas do mesmo gênero construídas de modo análogo ao descrito nesta postagem. Aço 5160 x 1/4".
Hunters feitas por desbaste Full Hollow com roda de 10". Aço 5160 x 1/4" e madeira estabilizada.
Por fim, caros amigos, espero que esta postagem tenha sido bastante ilustrativa, objetiva e didática. Estou à disposição dos amigos para, se necessário, complementar alguma informação que esteja ao meu alcance.

Desejo que tenham gostado e agradeço a visita.

Um forte abraço a todos!!!!

17 comentários:

  1. excelente, é um tutorial bem explicado e ilustrado para quem pretende aprender sobre hollow...obrigado por ajudar os iniciantes nessa arte.

    ResponderExcluir
  2. José Fenanades da costa Júnior !23 de fevereiro de 2014 04:32

    Belo trabalho Serapião !
    Grato pelos conselhos de mestre !

    ResponderExcluir
  3. José Fenanades da costa Júnior !23 de fevereiro de 2014 04:37

    Parabens pelo trabalho Serapiâo !
    Excelentes dicas de Mestre!

    ResponderExcluir
  4. Excelente material! Obrigado por compartilhar seus conhecimentos conosco e sucesso na lida!

    ResponderExcluir
  5. Show de bola Serapa, algumas vezes, olhando suas belíssimas peças e via essas facas feitas por desbaste hollow, e ficava imaginando como seria exatamente o processo, e com essa postagem ficou muito claro!!!

    Muito bacana!!! Um forte abração!

    ResponderExcluir
  6. Bela aula Serapião e também belo o gesto de compartilhar com todos seus conhecimentos.

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigado, meu caros amigos, pelos comentários. Fico feliz em poder contribuir e que tenham gostado. Forte abraço a todos.

    ResponderExcluir
  8. muito bem meu amigo, parabéns pela postagem.

    ResponderExcluir
  9. Parabéns Serapião !
    Como sempre multiplicando o conhecimento !

    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Professor, excelente artigo, cada vez mais eu aprendendo, tá na agenda o curso ok?... logo marco com Vc. grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. Ola amigo, meu nome e Israel, tenho admirado muito seu trabalho, e o seu esforco em busca do conhecimento. Sou iniciante na arte e pretendo aprender um pouco mais. Vc ministra cursos para iniciantes? Se ministra por favor entre em contato comigo. Ficarei muito satisfeito de te_ lo como o meu professor. Moro em Amargosa no interior da Bahia. Contato: israellgbarreto@gmail.com

    ResponderExcluir
  12. Muito obrigado por ter compartilhado esse precioso conhecimento!

    ResponderExcluir
  13. Olá, estou aprendendo a temperar, poderia alguém me ajudar? A peça é de aço 5160 mola. Quando ela não pega no imã é a hora de resfriar certo? Deve estar pré aquecido.A dúvida é quanto ao tempo de imersão no óleo. Agradeço

    ResponderExcluir
  14. Meu nobre, um dia espero poder seguir tal exemplo, e poder fazer minhas próprias facas para camping, fishing, ou hunting. Força e Honra!

    ResponderExcluir